Redes Sociais

quarta-feira, 13 de abril de 2011

RECUPERAÇÃO DE CRÉDITO EM ATRASO - BANCO SANTANDER - Direito do Consumidor

Prezados, bom dia.


Mês passado fui surpreendido por um débito em minha conta corrente/salário do Banco Santander. No histórico constava "recuperação de crédito em atraso" Entrei em contato com o superlinha que não soube orientar a origem do débito. Solicitaram que entrasse em contato com outro número para obter esclarecimentos, assim procedi. No entanto, fui atendido mas uma vez por uma atendente que nada soube dizer e orientou a entrar em contato com um terceiro número. Já irritado, liguei para o mesmo e fui atendido por uma agradável voz eletrônica dizendo para que esse tipo de atendimento só seria possível por e-mail. A falta de respeito é tão grande com o consumidor que resolvi fazer esse post.  Veja o que disciplina o Código de Proteção e defesa do Consumidor sobre o assunto. A orientação é que caso isso ocorra com você, seja impetrada ação no Juizado Especial Civel, ou administrativamente por meio de um Procon.

CAPÍTULO III
Dos Direitos Básicos do Consumidor
       
Art. 6º São direitos básicos do consumidor:

III - a informação adequada e clara sobre os diferentes produtos e serviços, com especificação correta de quantidade, características, composição, qualidade e preço, bem como sobre os riscos que apresentem;

IV - a proteção contra a publicidade enganosa e abusiva, métodos comerciais coercitivos ou desleais, bem como contra práticas e cláusulas abusivas ou impostas no fornecimento de produtos e serviços;

VI - a efetiva prevenção e reparação de danos patrimoniais e morais, individuais, coletivos e difusos;

VII - o acesso aos órgãos judiciários e administrativos com vistas à prevenção ou reparação de danos patrimoniais e morais, individuais, coletivos ou difusos, assegurada a proteção Jurídica, administrativa e técnica aos necessitados;

X - a adequada e eficaz prestação dos serviços públicos em geral.

Até o próximo post.


5 comentários:

  1. Mesma coisa aconteceu comigo meu nome melquesedeque santos do nascimento liguei e o banco pediu pra retornar em outro numero, so quero saber que aconteceu com meu dinheiro que o banco santander denomina de recuperação de credito

    ResponderExcluir
  2. Aconteceu o mesmo com meu namorado ontem e hj, foram R$ 1.700,00 simplesmente roubados da conta dele!! "O banco do juntos" é isso aí!! Sou advogada e já estamos nos preparando para mover uma ação. Tenho lido várias matérias a respeito e usarei isso tb na defesa dos direitos dele.

    Banco de bosta!!

    ResponderExcluir
  3. Esta acontecendo o mesmo com o meu namorado ele todo mes tem tido esse desconto na conta dele , sendo que ele nao tem débito nenhum com o banco a nao ser sua fatura de cartão de credito que esta atrasada. De fato , ele nao fez negociação nenhuma com o banco para nenhum tipo de débito automatico. Mesmo que ele tivesse feito algum acordo , o santander já tirou R$ 687,00 de sua conta. e a fatura do cartão de crédito dele que era de R$800 hoje está em R$1,450,00. ISSO È UM ABSURDO! a conta so aumenta e o santander so come o dinheiro de maneira absurdae exterionatária . FICA AQUI NOSSA INDIGNAÇÃO. amanhã ele ira ate sua agencia resolver. volto aqui pra dar notícias ;S

    ResponderExcluir
  4. Qual é o problema de vcs? Seus caloteiros! Paguem as contas em dia e não terá recuperações na conta. Qual eh a dificuldade? ??

    ResponderExcluir
  5. Eu venho recebendo débitos desde 2012 e de diversas formas já tentei saber exatamente o que eu devo porém nem o banco sabe ao certo o valor da minha divida então resolvi entrar na justiça e me devolveram o dinheiro ROUBADO e me mandaram um extrato com datas e valores totalmente divergentes do que eu contratei. O juridico do banco entrou em contato com o meu advogado e leiga do jeito que sou resolvi cair na besteira de fazer um acordo então este mes quando vou receber o meu pagamento o que me deparo? Com mais um desconto indevido ou seja o banco me ROUBOU na cara dura e quebrou o acordo. Entrei com outra petição e desta vez não tem acordo vou querer Danos morais e vou pedir isenção da divida pois ninguem ate agora me provou que eu devo os valores que estao me passando sendo que passei anos da minha vida pagando esse emprestimo interminavel. Tenho todos os comprovantes mas em nenhum momento tenho um contrato cedendo o desconto DESTAS PARCELAS no meu salario. Eles não sabem que temos contas como aluguel luz e outras? Eu nunca me neguei a pagar porem quero pagar o justo o certo e nao essas taxas e juros exorbitantes que nos cobram e outra nem no sistema de gestão deles nem no superlinha encontram o meu contrato. Me devolvam o que é meu que eu pago o que é deles (se eles acharem)

    ResponderExcluir